Colégio Universitário da Cooperação

Sendo um dos fins da F.C.L. o desenvolvimento das relações e intercâmbio entre Lisboa e outras cidades, a nível nacional e internacional, nomeadamente com as de língua oficial portuguesa, a sua acção tem tido, desde o seu início, particular incidência na formação de jovens africanos, através do projecto denominado “Colégio Universitário da Cooperação”.

Acreditando que o desenvolvimento de qualquer país se alcança pela via da educação e formação, este projecto tem por objectivo a formação académica de estudantes universitários oriundos dos países africanos da C.P.L.P., os quais, após a conclusão de bacharelatos, licenciaturas, pós-graduações, mestrados ou doutoramentos se comprometem a regressar ao seu país de origem e aí exercerem a sua actividade profissional, desempenhando uma verdadeira e eficaz acção motora no sentido de dinamizar a sociedade e de contribuir, tanto quanto possível, para o desenvolvimento auto-sustentado dos seus países.

Destina-se a jovens a frequentar cursos superiores em universidades sediadas na área metropolitana de Lisboa.

Apostando na alta qualidade dos formandos, sem esquecer a sua valorização sócio-cultural e humana, fixou como limite máximo o número de quarenta bolseiros/ano, permitindo, deste modo, uma formação individualizada e o mais completa possível.

A seriedade e exigência postas neste projecto têm possibilitado a adesão de muitas empresas e instituições portuguesas, que partilham connosco a necessidade de apostar na educação superior dos jovens.

Este projecto foi iniciado em 1990 e concedeu até ao momento um total de 512 bolsas de estudo. Inclui a frequência obrigatória de um programa cultural organizado pela F.C.L., incluindo visitas de estudo, aulas de português - língua, cultura e literatura - palestras e debates e, ainda, a componente profissional, através da realização de estágios de trabalho junto de empresas e instituições ligadas a esta vertente.

Residência do Colégio Universitário da Cooperação-Nuno Krus Abecasis

A Fundação Cidade de Lisboa dispõe de uma Residência própria, instalada nos pisos superiores da sua Sede, com capacidade para 44 estudantes, com espaços de convívio, salas de estudo, biblioteca, sala de computadores e sala de visitas, onde se proporciona todo o conforto e um ambiente familiar.